segunda-feira, 29 de julho de 2013

Franz Ferdinand :: clipe Love Illumination



A canção está presente no álbum "Right Thoughts, Right Words, Right Action", com lançamento agendado para 26 de agosto.

Beto Mejía :: clipe Simples



Flautista do Móveis Coloniais de Acaju, Beto Mejía lançou o EP Abraço, e agora o clipe "Simples" que tem a direção de Marina Dezerto e Allan Louros.

SILVA :: clipe Moleton



Demoramos, mas postamos o clipe Moleton do cantor capixaba SILVA. Vale ressaltar que o mesmo se apresenta dia 07 de setembro no Circo Voador, dividindo a noite com a cantora Céu!

Direção:
Jorge Bispo

Atriz: 
Maria Flor

Câmera e montagem: 
Glauber Vianna

Figurino: 
Helena Luko

Maquiagem: 
Loeni Mazzei

Assistentes: 
Manuela Galindo e Diego Brotas

Produtora: 
Fina Flor Filmes

Interessante encontro de culturas hoje na cidades!

A turma do Digital Dubs recebem esta noite no Leviano Bar (aqui em frente ao Circo) índios que participavam da Ocupação Aldeia Maracanã. Pelo vídeo, dá pra sentir que esse encontro é promissor!




quarta-feira, 24 de julho de 2013

Rafael Castro :: clipe Surdo Mudo

Em tempos de Papa no Brasil, Rafael Castro lança novo clipe. Assista:



Direção
Filipe Franco e José Menezes

Direção de fotografia
André Dip

Direção de Arte
Thany Sanches e Daniel Bruson

Produção
Thany Sanches, Tulipa Ruiz e Caio Gentil

Montagem
Filipe Franco

Animação
Daniel Bruson

Colorista
Ivan Pires

Steadicam
Francisco Orlandi

Maquiagem
Noemy Georgopoulos

Argumento
Rafael Castro

Roteiro
Rafael Castro, Filipe Franco, José Menezes, André Dip e Lucas Justiniano

terça-feira, 23 de julho de 2013

Racionais MCs :: ao vivo na Virada Cultural 2013



Direção / Edição - Rafael Kent

Imagens - Bruno Cons, Daniel Lupo, Eduardo Ribeiro, Gabriel Cupaiolo, Gabriel Mussolino, Rafael Kent e Sabrina Leite

Lá e Cá ao vivo no Circo Voador :: 30/05/2013

O Lá e Cá veio ao Circo no dia 30 de maio de 2013 para abrir o show do Hamilton de Holanda e Orquestra no Baile do Almeidinha. Aproveitaram e fizeram esse registro da apresentação. Se você não veio ao Circo, é uma bela oportunidade de conhecê-los. Aqui mesmo enquanto redigia esse texto, o colega da mesa ao lado até mencionou "Bem louco esse som!". Bem louco mesmo!




Beady Eye :: clipe Shine a Light




Deixa na Régua :: Teaser do novo filme de Emílio Domingos



Teaser do novo filme de Emílio Domingos (A Batalha do Passinho).
Uma coisa ficou na minha cabeça ao assistir: quando o diretor dizia "corta", a cena parava ou começava?

Max Cavalera convoca para show do Soulfly no Circo



Soulfly no palco do Circo no dia 27/08. E o melhor, a noite conta com show também do Suicidal Tendencies. Olha que maravilha!

segunda-feira, 22 de julho de 2013

The Cat Empire aterrissa no Circo Voador




Os australianos do Cat Empire são conhecidos por fazer um som incomparável. A banda fundada em 1999, estourou em 2003 com seu primeiro álbum, registro que tinha o efervescente single “Hello”. Mesmo dez anos depois, o disco até hoje é lembrado como um dos registros mais poderosos deles, e também como o perfeito cartão de visitas para apresentar para o mundo o som único do sexteto de Melbourne .
Desde então, a banda se estabilizou como um dos grandes nomes da world music atual, graças à sua batida singular e envolvente. Sabe-se que as múltiplas influências que o grupo carrega vão do jazz ao reggae, passando pelo hip hop e pela música latina com maestria. E foi exatamente essa mistura fora do comum e enérgica que solidificou o Cat Empire na cena.




Cinco discos e uma década depois, a super banda voltou mais sólida do que nunca com Steal The Light, álbum lançado em maio desse ano que traz mais melodias frenéticas e contagiantes. Juntando de novo estilos e sons do mundo todo, o Cat Empire tenta mostrar um outro lado da sua identidade extraordinária e difícil de classificar, conseguindo entregar mais uma vez um registro empolgante, exibindo o que sabe fazer de melhor: experimentar sem temor.


 


Sem contar que as apresentações ao vivo são memoráveis. Divertidas e solares, cheias de energia, um público mais heterogêneo, impossível. O Cat Empire coloca todo mundo para dançar com suas batidas infecciosas e  absolutamente envolventes.
Sorte do Rio por estar na agenda da turnê mundial do recente registro. A apresentação única acontece dia 2 de agosto no Circo Voador, com a banda iniciando sua breve passagem pelo Brasil com o pé direito.

The Cat Empire - Steal The Light World Tour
Circo Voador
02/08/2013 - 22:30

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Falcão e Edi Rock no palco do Circo Voador



Falcão, vocalista do grupo ORappa, participou do disco "Contra Nós Ninguém Será", do rapper Edi Rock, e apareceu no lançamento carioca do álbum no Circo. O vídeo acima foi produzido pela equipe de comunicação da banda.

quinta-feira, 18 de julho de 2013

quarta-feira, 17 de julho de 2013

segunda-feira, 15 de julho de 2013

Amplexos :: clipe SIM



Direção: Rabu Gonzales
Direção de fotografia: João Pádua & Daniel Venosa
Cenografia e arte: Tuta
Assistente de cenografia: Marcelo Silva
Arte: Odaraya Mello

Dança: Gabriella Mazure, Daiana Damião, Victor Oliveira, Lilian Bonard e Amplexos.

O velho: Bernardo Maurício 

domingo, 14 de julho de 2013

Resenha: Ultimate Homem-Aranha: Poder e Responsabilidade


Todo mundo conhece mais ou menos a história. O Homem-Aranha era um jovem comum, até que uma aranha radioativa o picou e ele ganhou super-poderes.
Ao contrário da DC Comics que adora zerar sua cronologia, a Marvel mantém a sua desde que Stan Lee a criou nos anos sessenta. E na década de 2000 o Homem-Aranha vinha de uma bem-sucedida série animada televisiva, estava ganhando franquia nova no cinema e uma nova geração de videogames ganhava os lares sendo mais um mercado possível para os personagens de quadrinhos.
Além dos anos noventa terem sido sofríveis para o mercado editorial de quadrinhos, o Peter Parker, identidade secreta do Aranha, nas revistas tradicionais estava casado (hoje não mais) e reconhecido profissionalmente. Suas características traçavam um cara na casa dos trinta anos com a vida encaminhada. Então como fazer um nerd com seus óculos, espinhas e dificuldade de socialização se identificar com o "bom e velho Peter Parker"?
A ideia da Marvel foi criar um universo paralelo. Quem quisesse o universo com a cronologia de sempre tinha a clássica "Amazing Spider-Man". E para quem queria um Peter Parker adolescente descobrindo que "Grandes Poderes Trazem Grandes Responsabilidades", a editora colocou nas bancas em outubro de 2000 o título "The Ultimate Spider-Man".
Como disse antes, não eram histórias anteriores da cronologia clássica do Aranha, e sim o personagem começando de novo. O que poderia ser uma grande roubada! Mas no caminho desta jornada haviam os roteiristas Brian Michael Bendis e Bill Jemas (embora a culpa seja muito mais do primeiro) e o desenhista Mark Bagley, que fizeram da empreitada um sucesso.
O encadernado da Panini reúne as edições de 01 a 07 da série "The Ultimate Spider-Man". Lembro de que quando li as histórias separadas, as achei um pouco arrastada. Neste encadernado me agradaram mais. Legal como os roteiristas fazem também a jornada do herói como num filme dos anos oitenta: o Nerd rejeitado que tem seu momento popular-sem-noção até que uma experiência ruim faz com que descubra seu lugar no mundo.
Vale a leitura. O encadernado é da Panini Comics e custa R$ 24,90 nas bancas.


quinta-feira, 11 de julho de 2013

Forró de Gafieira :: Sábado, 03 de agosto :: Circo Voador

The Breeders no Circo Voador!


Quando a gente fala do The Breeders, falamos de clássico. A banda formada por Kim Deal na época em que o Pixies fazia sua turnê européia do incrível Surfer Rosa (1988) junto com o  Throwing Muses, foi aclamada pela crítica desde o lançamento do seu primeiro registro, o poderoso Pod (1990). Mas foi com Last Splash (1993), o sucessor que não passou nem perto da crise do segundo álbum, que o Breeders se tornou referência para muita gente e se solidificou como um dos maiores nomes do rock alternativo dos anos 90.


Last Splash tem o hit "Cannonball", single de maior sucesso na história da banda e que tem clipe dirigido por Kim Gordon (Sonic Youth) e Spike Jonze, mas logo após seu lançamento o Breeders entrou em
hiato. Só uma década depois, em 2002, com a reunião das irmãs Deal, que o aguardado terceiro registro saiu. Nos últimos meses, Kim deu início a uma turnê para comemorar os 20 anos do lançamento do marco Last Splash, reunindo a formação 1992-1994 da banda e lançando uma edição especial do álbum, LSXX. Recentemente, Deal também anunciou sua saída do Pixies.

A apresentação do Breeders que vai acontecer no Circo dia 25 de julho é uma oportunidade única para os fãs do Rio de Janeiro que são apaixonados por um dos maiores e mais importantes álbuns da década de 90. A festa do Last Splash contará com momentos epidêmicos e riffs infecciosos, e promete fazer muito fã sair nostálgico do show que, certamente, vai entrar para a história do rock no Rio de Janeiro.

The Breeders - 20 anos de Last Splash
Quinta, 25 de Julho
22:00

terça-feira, 9 de julho de 2013

Curumin :: clipe Selvage



Roteiro e direção: Rick Bambora
Direção de fotografia: Daniel D2 Videomaker
Assistente de câmera: Gildo Macedo
Logger: Thaís Uvo
Produção executiva: Juliana Garzillo
Edição e finalização: Lucas Muraguchi 
Coedição: Felipe Kenji Teixeira Yamauchi

Resenha: Antes de Watchmen - Spectral


Apesar do criador da série e dos personagens de Watchmen, o barbudo Alan Moore, ter ido totalmente contra o projeto, a DC Comics fez a linha "quem sabe sou eu" e colocou nas bancas, em 2012, a série Before Watchmen, que aborda a vida dos vigilantes antes da aclamada série. Sentiu o cheiro de caça níquel no ar? Pois é, eu também.
Apesar de toda a polêmica, estas séries passaram longe do sucesso da série original que segue sendo republicada até os dias de hoje. 
A Panini optou em publicar no país as séries completas em encadernados. Estratégia acertada. A primeira a ser publicada foi a do personagem Coruja. Apesar da arte de Andy Kubert, a trama da série é bem lamentável. Ponto para Alan Moore.
Antes de Watchmen: Espectral é o segundo encadernado da série. Desta vez acompanhamos o crescimento de Laurie Júpiter, filha da heroína, Sally Júpiter. 
O roteiro de Darwyn Cooke e Amanda Conner, esta também responsável pela arte da série, aposta nos conflitos entre a mãe, heroína aposentada que treina Laurie para ser sua sucessora, mesmo que para isso castre as liberdades individuais da moça, e a filha. 
A trama se desenrola quando Laurie foge para a São Francisco em plena década de sessenta em busca da maturidade. Sim, você leu corretamente: São Francisco nos anos sessenta! Então sexo, drogas e rock n' roll estão no cardápio da trama.
Só que não espere discursos pró ou contras. Pelo menos claramente. É tudo muito corriqueiro. O destaque é a arte de Amanda Conner, que dá asas à imaginação da personagem e às experiências lisérgicas da mesma. Referências musicais também estão nos diálogos e em alguns personagens.
O encadernado não é a maior das maravilhas que chegou às bancas este ano. Porém tem o mérito de ser infinitamente melhor que o encadernado do Coruja, publicado anteriormente. Vamos aguardar os próximos. Vai ver, a DC devia ter seguido o conselho de Alan Moore e deixar a coisa quieta! 


terça-feira, 2 de julho de 2013

Geraldo Azevedo :: Convite para o Arraiá do Circo Voador 2013



Encontrei Geraldo Azevedo e filha, Gabriela Azevedo, na sala de espera da Rádio MPB FM. Um dos baratos desse Arraiá do Circo é o carinho que o cantor tem com o Circo Voador e toda a sua equipe.

O Arraiá do Circo acontece neste sábado, 06/07. Os portões abrem as 22h. Além do show de Geraldo Azevedo, a noite conta com shows do grupo DaLadeira, grupo Zanzar e Dj Edna, animando os intervalos com muito forró. Tem uma promoção de chopp Brahma até 23:30h, onde na compra de um, o outro sai inteiramente grátis.

Comidas típicas e outras surpresas esperam por você na lona!




Geraldo Gif Azevedo



Próximo sábado tem Arraiá do Circo com Geraldo Azevedo!

Janelle Monáe - clipe Dance Apocalyptic



É o mundo se acabando...

A faixa faz parte do álbum "Lady Eletric", da cantora, com lançamento agendado para setembro.

MV Bill :: clipe Tem que ser monstrão



Produção: André Laudz 
Mixagem e Masterização: Luiz Café
Direção e roteiro: Pedro Gomes

Chamada Mosh Pit Fest com Dead Fish e muito mais :: 12/07 no Circo Voador



Dead Fish, Rancore, Oitão e Plastic Fire participam do Mosh Pit Fest dia 12 de julho no Circo Voador. Ingressos disponíveis!